Notas não aleatórias

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Das inconformidades

E se não for o suficiente?

E se eu quiser mais?

E se minhas vontades forem muitas?

E se as possibilidades forem poucas?

Se os outros se bastam com pouco, azar (dos outros)

Eu quero mais e acho é pouco.

abelha nativa1_ass

*vivendo um dia de manhã, que ainda era noite. Um misto de ânsia de fim de tese e os sonhos dos dias depois de amanhã.

Navegação de Post Único

2 opiniões sobre “Das inconformidades

  1. Jussara diverio kruse em disse:

    Não és mais doutoranda Aninha, és DOUTORA!!!! Vale uma atualização.
    maravilhas aqui!,,,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Caderninho de Ideias

Pra escrever o que eu acho sobre tudo que gosto

TROVANDO ideias

TROVANDO ideias

cozinha pra machos

todo mundo pode cozinhar

Escreva Lola Escreva

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Ecce Medicus

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Blog do Sakamoto

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

%d blogueiros gostam disto: