Notas não aleatórias

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Este ano

Enquanto eu praguejava aos sete ventos
Maldizia as datas, os acontecimentos
Passavam desapercebidos
Rumores e sussurros
De felicidade, de intensidade, de vida

Enquanto me apegava
Em supostos amores mal compreendidos
(e não por mim, diga-se)
Em confusões das palavras
Em broncas do dia-a-dia
Em escorregadas apontadas por outros

Deixava de lado as possibilidades…
De perceber que, aos poucos
Apaixonava-me
Por tudo aquilo que me move
Alimenta o coração
Encanta o cotidiano…

Apaixonava, disse eu? Ora essa!
Apaixono! Todos os dias um pouco mais!
Ao saber da nossa pequenez perante à vida
Na Terra, vendo o espaço, as estrelas, os planetas, mapeando o céu
No conhecimento, aprendendo o ócio, a gravidade, o riso
No amor, com amizades simples, romances fugazes, novos desconhecidos, lindos sorrisos

Apaixono, muito, no detalhe, em reuniões familiares
Reconhecendo que vamos somar, crescer
Nas notícias sobre um punhadinho de células
Que já se organiza, multiplica e é rodeado
De um sentimento antes inexistente – mas intenso e confortante.

Enquanto eu praguejava
Esvaia um pouco de mim
Instalando-se outros pesares
Mas também aquele sentimento
Que, afinal, é o que move – sempre
A inconformidade de ser e estar
E os sorrisos – novos e antigos
Estes me fazem ver que não…
O ano não foi ruim, foi – sim – ruptura
Inquietação (e as vezes silenciosa, solitária, pensativa)

E agora, quando encontro o foco
Sinto, dentro de mim
Aquela quietude que só as boas decisões possibilitam
E as vontades…
De novos encontros, sem acaso
De novas e loucas aventuras, sem riscos
De arrancar de mim, o grito que está preso
De fotografar o mundo – todos os seus recônditos pedacinhos de rocha, vida, água
Ah! As vontades de viver intensamente, inconformadamente!

Quietude alcançada nas decisões,
Mas a vida? Prefiro barulhenta…
Ah! Eu vou ser sempre essa louca, leve e plena CON-FU-SÃO

02

Navegação de Post Único

3 opiniões sobre “Este ano

  1. Aninha queriiiida! cada dia me surpreendendo mais e mais com a sua arte das palavras e imagens… linnnnndo! Obrigada!!!! bjbjbjbj

  2. Seyla Poliana Miranda Pessoa em disse:

    Lindooo….como sempre!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Caderninho de Ideias

Pra escrever o que eu acho sobre tudo que gosto

TROVANDO ideias

TROVANDO ideias

cozinha pra machos

todo mundo pode cozinhar

Escreva Lola Escreva

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Ecce Medicus

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Blog do Sakamoto

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

%d blogueiros gostam disto: