Notas não aleatórias

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Efêmero instante

Cansa
O eterno instantâneo
Que envelhece conosco
Como uma teia
Em nós, por nós
A cada momento

Cansa
O eterno efêmero
Fugaz, que esvai
Voraz, que esgota
Extenua, dissipa
Cada acontecimento

E ainda assim
Cansa
Mas ama
E aguarda
Que o instante
Efêmero instante,
seja eterno

Colaboração de Phill-it (http://www.facebook.com/phill-it) em diálogos produtivos nas madrugadas insones 🙂

Navegação de Post Único

Uma opinião sobre “Efêmero instante

  1. Republicou isso em Palavras ao Ventoe comentado:

    Retrospectiva 2014: A melhor parceria foi com Phill-it (http://www.facebook.com/phill-it). E, para mim, “Efêmero Instante” foi a melhor poesia de nós dois! ❤ 🙂
    Que venham novos escritos em 2015.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Caderninho de Ideias

Pra escrever o que eu acho sobre tudo que gosto

TROVANDO ideias

TROVANDO ideias

cozinha pra machos

todo mundo pode cozinhar

Escreva Lola Escreva

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Ecce Medicus

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Blog do Sakamoto

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

%d blogueiros gostam disto: