Palavras ao Vento

penso, logo escrevo!

Arquivo para o mês “novembro, 2014”

Frases da Semana XXXI

Semana morna, eu diria… mas teve seus momentos… 😉

– Ah, quando morava perto não dava valor né?
– Não é assim!
– Vocês nunca dão valor!
– Vocês é que não dão valor ao valor que nós damos!
– Olha aí! Frases da semana!

– Eu achei legal o presente. Só não sei se ele merece. Eu acho ele meio burro.
– Tá, mas todos somos burros em algum aspecto. Não dá para ser inteligente em tudo. Eu sou burra nisso também. 
– Ah, não és burra não!
– sou sim! Sou por insistir, ele por não aproveitar a insistência…
– Mas isso é a tua cara né Aninha! Só vagabundo…
– É, então…
– Eu queria tirar uma foto tua, posso?
– Pode, mas sabe o que é? Agora eu estou muito ocupada, jogando aqui. Agora não posso… u.u
– Diz pra ele que eu amo. Ele e os cuidados com a minha moral no Face.
– hahahahaha. Eu vi. (…) Diz ele que alguém tem que se preocupar.
– hahahahah que amor ❤
– De fato a foto tá bonita. Mas sigo dizendo: Nada demais
– Tá po! As tattoos massa!
– Foto linda! Tô dizendo. O nada demais foi só para te incomodar.
– huahauhauhauhaua
– Consegui 😉
– Se a gente gritar bem alto, bem forte, ele volta! Vamos gritar minha gente!
– As meninas mais velhas que saio nunca me dão dor de cabeça…
– Os meninos mais novos que saio sempre me dão dor de cabeça antes que os mais velhos… Mas todos me dão dor de cabeça!
– haahahahhaha
Da série: Eu não tenho sorte no amor, por isso escrevo... #DedoPodre <3

Da série: Eu não tenho sorte no amor, por isso escrevo…
#DedoPodre

Sobre cultura, mate e sabor

Yo no tengo en el amor
quien me venga con querellas,
como esas aves tan bellas
que saltan de rama en rama-
yo hago en el trébol mi cama
y me cubren las estrellas.
(Martín Fierro, poema de José Hernández)

Cultura: prática cotidiana, significados construídos na rotina, na miudeza dos atos, no som da voz, nas cores do dia e da noite, na vontade de viver, fazer, sorrir, chorar. Vivência da música, do gostar, do conhecer… Práticas de família, de um povo…

Do meu povo? Aprendi a beleza de uma música que ecoa feitos e trejeitos, o sabor da carne nos finais de semana e, também, a conversa ao redor da bebida amarga: o chimarrão! Que aquece o coração, ameniza dores, compartilha tradições, momentos de parar e contemplar a simplicidade da companhia.

Os escritos de hoje vem de uma cultura, uma vontade de cultura, de repartir um pedacinho do que sou e o que admiro: um curtir e contemplar o tempo.

A erva-mate, Matín Fierro, forte, pura folha, amarga, minha favorita. Eu costumo dizer que de doce basta eu e de suave, a vida. Meu mate prefiro forte e amargo… Na literatura El Gaucho Martín Fierro (poesia argentina de José Hernández) representa esse povo, que saiu de uma vida de clandestinidade para virar símbolo de uma tradição, um homem com algo de terno, algo de rude, simples e que luta pela liberdade. De bombacha, cavalo e faca (e o mate amargo…).

Por hoje, é isso. : )

#ChimarrãoÉCultura #Companhia #MartínFierro

#ChimarrãoÉCultura
#Companhia
#MartínFierro

La Burbuja de Ana

Não é por viver dentro de um espaço
Que passa quase todo o tempo em uma bolha
Que eu não invente modos de viajar por aí
Conhecer, passear, visitar, amar, colorir

Anda, andarilha!
Segue teu trajeto furtacor e suave
Pela direção do vento
Na intensidade da palavra
Na vontade do pensamento

Anda, andarilha!
Escreve o caminho
E conta seus sabores
Pois a bolha não é prisão
É só meio de condução.

#BurbujadeAna #BolhaDeSabão #AutoRetrato #MeioDeCondução

#BurbujadeAna
#BolhaDeSabão
#AutoRetrato
#MeioDeCondução

P.S.: O nome Burbuja de Ana (bolha de sabão) foi dado por Flor Rundun, amiga e hermana, ao ver a foto. Este nome inspirou a poesia de hoje. =]

Frases da Semana XXX

Diálogos. Risadas. Falta (ou excesso) de noção…

– Eu? Tenho 36.
– 26
– Não. Eu tenho 36! kkkkk
– Eu digo: você tem 26. u.u

H
O
M
É
R
I
C
A
– 😀 😀 😀 😀

– Típica foto de hétero mala: selfie no carro, dirigindo, com cara de mau.
– Isso! Ana! Descreveste brilhantemente. É isso: selfie no carro. Afff, quem aguenta?

– Estás na tua tia?
– Sim
– Sozinha?
– Sim, eles viajaram. Chegam pro almoço.
(…)
– A pergunta não foi essa né? SIM, ESTOU SOZINHA. o.O
– Eu já sabia, foi só um comentário…
– Que barbaridade…

– Eu só sei que vi um absurdo de olho azul!!!

– Espero minha vez para ter uma foto com esse homem e esses olhos espelho do mar!!!
– Terás Cortéz! Mas nossa foto será impublicável! #prontofalei
– Mas eu não tenho problema com expor minha nudez… Opa! Digo! Impublicável!

– ah eu não vou sair do táxi moço. Sai tu! Eu já cai, não vou sair.
– … [Ahhahahahahha]

– Eu queria agradecer, eu adorei tua fala! Eu tava morrendo de sono, achei que ia dormir, e acordei! Adorei tua palestra.
[não dito: ahhhhhhh ❤ ❤ ❤ , morri]

– as duas dançando até o chão. Não tava bêbada, aham.
– hahahahahahahahhaha

sobre o acontecimento que me encantou, duas boas frases:

(a) – Como diria o velho Trotski: a juventude é sempre revolucionária

(b) – Ana, tu me inspiras! 😀
– kkk pq?
– Ora! A foto dos senhores dançando…
– 🙂

#Juventude #AlegriaAlegria #BoraViver <3

#Juventude
#AlegriaAlegria
#BoraViver

Ideias Soltas VI

Poesia:
aquilo que acontece no tempo entre o cafuné e o café

#café

#café

Sem sentido

Sem voz
Sem vez
Sem mais
Sentir
Sentido
Sem ti
Sempre

pensando_palavras_ao_vento_das_racionalidades_simples

Frases da Semana XXIX

Conversas malucas em grupos virtuais, família, amigos, trabalho, Cs da Felicidade, barulho… E dança flamenca… Resumo da semana

[conversas de grupos]
– acho que rosto feio é foda, corpo pra mim é semi indiferente
– putz… pra mim se for lindo, mas abrir a boca e só sair merda… já era. Eu sou do partido que gente feia pode saber fazer sexo absurdamente… Agora gente chata… ooo dó. Serve pra nada não.
– Concordo! Não tenho expediente para gente burra e chata!

– Vai comer mocotó Ana! Fica aí, comendo essa comida tua aí, tá fraca… rsrsrs

[conversa de grupo]
– Malandro! Sonhei que tínhamos ido para aí, eu e ela!
– E eu não? Fui abandonada por meu amante!
– Você não estava Ana… hahahahaha
– hahahahaha
-hahahhaha
– Ele não me viu, mas eu tava lá só observando, anotando tudo o que ele fazia…
– haahha A parte que eu nadei nu no mar também?
– Essa eu fotografei ❤
– hahahaahah

– sim, tipo me cercando… tenho pavo-or
– volta pro mar oferenda
– hahaahahaahahahahahahahah

– Cerveja, Chimarrão, Café, Chocolate e Churrasco… são os Cs de felicidade, rsrsrs
– haha. Eu conheço quem adicionaria outros Cs…
– tipo?
– Cama… (Depois de um tempo) carro, cabide, carteira…
– Sobre felicidade começar com a letra C… (Ainda estou encucada com a história do cabide… Mas enfim): Café na Cama…

– Quando tudo se cala começa a fazer barulho dentro da gente…

– eu acho que fomos adotados!
– Eu acho que a gente puxou o vô e não sabe
– hahahaha. Pensei nisso também
– 🙂
– Mas acho que é uma coisa boa né?
– É sim

– Nessas horas eu te desejo como vizinha. Bater na porta e dizer “me empresta sua varanda?” Hahaha
– que lindo isso! ❤
– ❤ No fim pode terminar os dois bêbados; eu tocando cajón e você dançando flamenco em cima da mesa hahaha

Eu tocando cajon e tu dançando flamenco  <3

Eu tocando cajon e tu dançando flamenco

Ideias soltas V

eu me desconcentro

com o olhar

interessado

de quem

interessa

que me olhe

pensando palavras ao vento

#desconcentro
#desatino
#desafio

 

Das manhãs de domingo…

Um feixe de luz invade o quarto
Um trajeto simples, direto
Escapa pela cortina, até colidir com a parede
Acho que permaneci aqui
Mirando, sem pensar
Por um bom período de tempo
Dormindo de olhos abertos
Esperando uma suave brisa
Fazer dançar a luz
E movimentar o dia

(Poesia de Ana Arnt e Phill-it)

Acho que permaneci aqui Esperando uma suave brisa <3

Acho que permaneci aqui
Esperando uma suave brisa

Frases da Semana XXVIII

Semana engraçada, para dizer o mínimo… 🙂

 

– Tédio dos infernos, bora pro méxico?
– Beber tequila até?
– yeeeessss
– 😀 Não me faz pergunta fácil quando eu tô bêbada

[conversas de um grupo maluco]
– As pessoas precisam saber que existe esperança no mundo, e a esperança cara, ela é fofinha e rosa, pititinha, mas fofa e rosa.
– haahhaha De onde vocês acharam esse cara? Que ótimo isso…
– Sim cara, minha missão é essa, eu vou mostrar entendeu? Santificada, o pessoal vai lá dar uma tocadinha… “oh piroca, obrigada por essa bênção, essa conquista, por essa graça alcançada”. Entendeu? É isso cara, só isso…
– HAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAAHAHHAHA
– HAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA (repete umas 50 vezes)

– Cara que que é essas tetas de fora?
– :3 Bonitas né?
– não dá para ver… 😦
– Tive uma requisição de foto, aí fiz essa…
– Pro sem vergonha suponho
– hahahahaha! não não!

– Vai querido, besos
– Outro dona flor
– hahaha

– Vou comer alguma coisa. Sem piada pf. Hahaha
– hahahhaha.

– Tá certo. E o ensaio quem fez?
– Eu. Só eu.
– Tendi.

– Se tu fores viajar? Coloca uma alça em mim?
– hahahahahahaha

– Tá perfeito
– hmmm, então deixarei. Você é a melhor! ❤
– Só com o melhor ❤
– Olha, vou ali me despir, te espero!
– hahahahaha

[processos produtivos]
– Amanhecer não colou
– Aiê
– Tô pensando. (…) Calma que daqui a pouco vem
– Amanhecer ficou longo na verdade. Acordar
– verdade
– Eu gostei de Amanhecer
– Calma que logo vem. Ahahahahah
– Ai eu gostei de Amanhecer (hahaha bipolar)
– hahahaha
– Eu pensei em satisfazê-la. Mas aí temos uma palavra grande de novo
– hahaha Agradá-la
– ❤
– Grande demais também
– Não, não, agradar é melhor do que satisfazer
– Jesuuuusssss
– não?
– Ainda não (…) Porra, ficou é maior
– Tem que começar com A. Não briga comigo quando eu to na TPM bipolar
[#EmConstrução – tá achando que é harmônico o processo? Nénão…]

– e digo mais: O Caetano não é um babaca. (…) O tolerante.

– Agora não pergunto mais pra onde vai a estrada
Agora não espero mais aquela madrugada

Navegação de Posts

Caderninho de Ideias

Pra escrever o que eu acho sobre tudo que gosto!

TROVANDO ideias

TROVANDO ideias

cozinha pra machos

todo mundo pode cozinhar

Escreva Lola Escreva

penso, logo escrevo!

Ecce Medicus

penso, logo escrevo!

Blog do Sakamoto

penso, logo escrevo!

%d blogueiros gostam disto: