Notas não aleatórias

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Notas sobre saudades

Vira e mexe é poesia, interrompe o silêncio, vira escrito.
As vezes vira sorriso. Sabe como é?
Daquele tipo que aparece quando estamos andando no meio da rua e somos pegos desprevenidos pela lembrança fugaz: sorrimos largo, sem vergonha ou pudor… E seguimos caminhando com aquela sensação confortável que fica em nós.
E parece, aos olhos dos outros, que sorrimos sozinhos, mas tu sabes quem invadiu o instante, não sabes?
Mas saudades é também aquele cheiro de café que nos leva a outro lugar, uma conversa a toa, uma preguiça boa.

#Saudades De uma conversa a toa De uma preguiça boa

#Saudades
De uma conversa a toa
De uma preguiça boa

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

caderninhodeideias.wordpress.com/

Pra escrever o que eu acho sobre tudo que gosto!

TROVANDO ideias

TROVANDO ideias

cozinha pra machos

todo mundo pode cozinhar

Escreva Lola Escreva

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Ecce Medicus

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

Blog do Sakamoto

[o acaso da vida existe, a aleatoriedade da escrita: jamais!]

%d blogueiros gostam disto: