Palavras ao Vento

penso, logo escrevo!

Arquivo para a categoria “Versos Gritados”

Estranhezas e vazio

a estranheza de querer uma só palavra em meio à multidão

e o eco do silêncio se fazer sentir

[teu silêncio grita, se faz ruidoso vazio
e
só]

Versos Gritados 2

versos gritados

num sussurro ofegante

teu silêncio produz

minha (in)quietude constante

O som do silêncio que desacomoda e inquieta

O som do silêncio
que desacomoda
e inquieta

Versos Gritados [em silêncio]

É que a soma dos nossos silêncios
encurtam a distância para os versos
a calmaria que invade, turbulenta
é a mesma que se contorce em estrofes

Escrita impelida pelo som inaudível
da minha saudade de tua risada
do tempo que passa suave
na preguiça de uma manhã sem fim

E eu?
Escrevo
e só.

15246665141_0d7b0bc20c_o

É chegada a hora

A noite se alonga linearmente, longínqua, em pensamentos díspares, confusos e entrecortados.

É no turbilhão de um imaginário, de pés em outros chãos possíveis, tangíveis ao viver… Querendo tanto…

Organiza a luta por ti!!! Agarra tua imensidão garota! Transforma-te no que tu és!

Rasga tua pele mansa e mostra tua força, refuga essa inércia!

Angustiante mania de rodar no mesmo lugar, de não expor tua sensível fragilidade, guardada na rispidez cotidiana…

(Confusa, confusa, confusa)

Desconfiada de ti, reverbera tua ansiedade, ecoando loucura!

Evoca a insana calmaria que tens guardada no fundo do teu ser: é hora!

#ÉChegadaAHora

#ÉChegadaAHora

 

[Versos Gritados]

Meu silêncio inexiste
Nas linhas minhas
Nos versos gritados
Em sussurros inconstantes

Teu silêncio ressoa
Na inquietude insistente
Na rouquidão de esperar
Um fim
[ou recomeço]

#VersosGritados

#VersosGritados

Série Versos Gritados, escrita em parceria com Phill-it

(http://www.facebook.com/phillitnow)

Gritos em versos

É com zelo

e deleite

com o gosto

do desejo

pelo gozo

preso

em palavras

surradas

maltrapilhas

delineadas

saindo

do peito

no tranco

para que tu, 

meu amor,

sim, tu

escutes

como

suave

sussurro

carregado

pela brisa:

meu sentir

em

versos gritados.

#VersosGritados

#VersosGritados

Versos Gritados é a nova série de poesias do Blog, feita em parceria com Phill-it (http://www.facebook.com/phillitnow). A poesia que inaugura a série substitui a usual postagem “Frases da Semana”, de sexta-feira, mas foi inspirada em diálogos poéticos com este que é, certamente, um grande companheiro de jornadas: Phill/Cortéz.
Versos Gritados
Num sussurro inebriante
(que venha e tenha vida longa <3)

Navegação de Posts

Caderninho de Ideias

Pra escrever o que eu acho sobre tudo que gosto!

TROVANDO ideias

TROVANDO ideias

cozinha pra machos

todo mundo pode cozinhar

Escreva Lola Escreva

penso, logo escrevo!

Ecce Medicus

penso, logo escrevo!

Blog do Sakamoto

penso, logo escrevo!

%d blogueiros gostam disto: